Telemedicina na promoção da Saúde

Médicos que desejam inovar ou melhorar o seu atendimento tem muito a ganhar escolhendo a telemedicina. O modelo de trabalho desta modalidade se baseia em disponibilizar mais especialidades de forma rápida, econômica e segura, fornecendo uma estrutura de realização de exames em diversas áreas com recebimento dos laudos dos exames dos seus pacientes usando uma plataforma na web. Entenda melhor como a telemedicina funciona neste artigo!

 

A preocupação de todo bom profissional é fornecer serviços de qualidade para os seus pacientes. Na telemedicina isso é possível, afinal trata-se de um complemento para a medicina tradicional para que o atendimento seja mais ágil, eficiente e com diagnósticos certeiros.

Exames diversos, inclusive os de imagem, são enviados via sistema digital na web. Por isso a clínica precisa apenas ter um computador com acesso à internet para enviar os exames e receber os laudos.

 

Mas afinal como funciona a telemedicina?

 

O modelo de atendimento possui três principais vieses: o de teleassistência, teleducação e emissão de laudos à distância, também chamado de telemedicina ou telessaúde.

Na Telemedicina os exames são feitos em qualquer lugar por um técnico treinado na área e enviado para a plataforma na web onde o especialista analisa e devolve o laudo em minutos pela mesma plataforma para a clínica responsável.

Já a teleducação serve para os profissionais que moram e trabalham longe dos grandes centros e que poderão ter acesso ao que há de novo na área de telemedicina, por meio de palestras e videoconferências.

Por fim a teleassistência comporta o monitoramento a domicílio de um paciente. Os profissionais se comunicam a distância e o paciente pode ficar no conforto da sua casa com a devida assistência.

 

Por que usar a telemedicina?

Tanto paciente quanto clínica levam vantagens, afinal com a telemedicina não é preciso fazer a compra de equipamentos que, sabemos, são bastante caros. Já os pacientes além de terem acesso a ótimos especialistas, têm os resultados dos exames mais rapidamente. Além disso, eles reduzem os seus gastos com deslocamento, pois não precisam ir para outra cidade para realizarem os exames.

Basicamente o procedimento é realizado da seguinte maneira: depois de realizar os exames, os arquivos ou imagens são anexados na plataforma pelo técnico treinado, adicionando os dados do paciente, sintomas, medicamentos que usa, resultados de exames anteriores para comparativos, tudo online e não há custos de materiais físicos, tudo é enviado pela web.

 

Quais as áreas atendidas pela Telessaúde?

Atualmente a telemedicina pode atender a diversas áreas e realizar inúmeros exames como:

  • Eletrocardiograma analógico ou digital para humanos e animais

  • Eletroencefalograma ocupacional para empresas

  • Eletroencefalograma clínico para investigação de epilepsias

  • Eletroencefalograma com mapeamento cerebral para localização exata do foco epiléptico

  • Espirometria clínica e ocupacional

  • Mapa de pressão arterial

  • Holter de ecg digital 24 horas

  • Campimetria

  • Radiologia geral, como RX, tomografia, ressonância

  • Radiologia odontológica

  • Cálculo do risco cirúrgico para cirurgiões

  • Medidores de glicemia acoplados a smartphone

  • Medidores de saturação de oxigênio acoplados a central de telemedicina

  • Medidores de ritmo cardíaco acoplados a smartphones

  • Smartphones que realizam ecg básico e transmitem para a central de telemedicina

  • Avaliações com especialistas por videoconferência

 

Os benefícios da telemedicina

Os principais benefícios que a telemedicina pode trazer para a sua clínica são:

  • Laudos mais rápidos de qualquer especialidade em qualquer lugar;

  • Atendimento de qualidade;

  • Gastos com infraestrutura reduzidos;

  • Acesso seguro às informações por meio de assinatura digital e senhas criptografadas;

  • Acesso a cuidados e à saúde em locais distantes;

  • Compartilhamento de informações clínicas entre médicos, aumentando a especificidade do atendimento.

 

Como a telemedicina é vista no mundo?

Apesar de no Brasil a Telemedicina ainda estar em seus primeiros passos, lá fora o método já é muito bem aceito. Na Califórnia os pacientes têm consultas médicas de 10 a 15 minutos por telefone e um site seguro para trocas de mensagem. O governo tem verbas anuais cada vez maiores a cada ano por ter prova suficiente da efetividade da especialidade.

Quando se trata de medicina intensiva, leitos podem ser liberados mais rapidamente para novos pacientes, usando o telemonitoramento. Isso significa que a pessoa é atendida na tranquilidade da sua casa por meio de monitoramentos em tempo real.

Com UTIs monitoradas existe uma redução de 35% da estadia dos pacientes, diminuindo em 30% o número de mortes. A questão é que muitos não conhecem a telemedicina e, por isso, desconfiam da sua eficiência. Isso contribui para que a expansão do serviço seja ainda mais lenta aqui no Brasil, sem contar com uma faixa de profissionais da saúde que não dominam a tecnologia da computação e ainda usam fichas de papel no consultório.

Vale destacar que existem leis que regem e permitem a prática de telemedicina, temos nosso próprio conselho, nossas diretrizes, nada é feito por acaso, tudo é seguido de acordo com as normativas da especialidade.

É fácil enxergar os benefícios da telemedicina na promoção da saúde. Pense na quantidade de pessoas que vivem em locais distantes, sem acesso ao médico, tanto generalista quanto especialista. A presença da telessaúde trazendo ferramentas para que a enfermagem preste o primeiro atendimento, execute exames básicos como um eletrocardiograma e receba as primeiras condutas na preservação da vida, muda completamente o rumo da saúde naquela região, tudo graças a essa tecnologia.

A telemedicina é o futuro para a área de tratamento de enfermidades, afinal aplica a tecnologia de forma inteligente e eficaz para que mais pessoas sejam atendidas em menos tempo e a custos mais baixos. Imagine o caso de um paciente já debilitado. Com a telemedicina ele não precisa sair do conforto do seu lar para fazer um exame importante ou viajar longas distâncias para o mesmo objetivo.

O caminho escolhido da tecnologia é sem volta, os benefícios oriundos das diversas conexões com dispositivos móveis auxilia na busca de mais longevidade com qualidade de vida. Precisamos apoiar essa causa, divulgar nas redes sociais tudo relacionado a tecnologia e saúde para que todos possam ter acesso a esse benefício.

 

Sobre o autor

 

Dr. José Aldair Morsch é formado em Medicina pela Universidade do Rio Grande e pós-graduado em Cardiologia pela PUC-RS. Durante 20 anos dirigiu sua clínica médica em Erechim/RS, e em 2005 fundou a Telemedicina Morsch, referência nacional em medicina à distância.

Dr. José Aldair Morsch – CRM RS 20142

Cardiologista – Especialista e Telemedicina